Saltar para o conteúdo

Acho que a Baden Baden teve um pouco de ciúmes da Colorado Demomoiselle e também resolveu fazer uma cerveja com adição de café. Eu gosto muito das cervejas da Baden Baden e adoro os estilos Stouts e Porters. Em resumo, eu tinha que provar essa cerveja.

Descrição da Cerveja

"Baden Baden Kaffee Bier une duas variedades de café (Acaiá e Bourbon) ao leve amargor do lúpulo e aos maltes torrados. Apresenta espuma bege e cremosa, cor escura e corpo leve".

Fabricante: Baden Baden
Estilo: Porter
Ingredientes: Água, malte, lúpulo, levedura e café (Acaiá e Bourbon)
Temperatura Ideal: 5 - 8 ºC
Álcool (%): 4,8%
Tamanho: 600 ml
Preço: R$ 15,00 (Perine)
Copo Ideal: Pint

"Harmoniza com tiramissu, sobremesas à base de chocolate, carne de porco defumada e queijos semi duros".

Degustação da Baden Baden Kaffee

Baden Baden Kaffee
Baden Baden Kaffee

Vamos à degustação. No quesito aparência, essa cerveja não fez feio, cor castanho escuro, com uma espuma bege, só acho uma pena ela não ter durado muito. O aroma puxou bastante para o café, acredito que essa foi a ideia da cervejaria. Já no sabor, a Kaffee me surpreendeu positivamente, amargor e álcool na medida certa, e adição de  café não deixa a cerveja enjoativa.

O desafio das cervejas com especiarias é conseguir equilibrar o sabor para não deixa-lo enjoativo, a Baden Baden conseguiu esse feito, e como sempre fez uma boa cerveja. Vale a pena experimentar.

Mais uma cerveja da minha viagem para Itacaré-BA, dessa vez optei por um estilo indicado para quem não quer errar... Uma Belgian Blond Ale.

Descrição da Cerveja

"A Canduru Cocoa Honey Blond é uma cerveja de origem belga refermentada na garrafa, com o toque genuíno do cacau brasileiro. Apresenta uma coloração clara, corpo médio e aroma frutado".

Fabricante: Conduru Viva
Estilo: Belgian Blond Ale
Ingredientes: Água, malte, lúpulo, mel de cacao e levedura
Temperatura Ideal: 5 - 7 ºC
Álcool (%): 6,0%
IBU: 15 (Amargor)
Tamanho: 600 ml
Preço: R$ 18,00 (Albergue Pharol / Itacaré - BA)
Copo Ideal: Tulipa

"Harmoniza com alimentos defumados e  condimentados. Experimente com acarajé!"

Degustação da Conduru Cocoa 

Conduru Cocoa Honey Blond
Conduru Cocoa Honey Blond

Quem está com medo de errar, geralmente, opta por um estilo mais tranquilo, onde a maioria das cervejas são boas. Então, vamos à degustação da Conduru Cocoa. A apresentação da cerveja foi boa, um rótulo interessante, e a cerveja possuía um bom dourado... Só encontrei falha na duração da espuma, ficou abaixo do esperado. O aroma era bem frutado (já era esperado pela adição de mel de cacau). Confesso que no primeiro gole achei a cerveja enjoativa, por conta do  dulçor elevado, mas me acostumei rapidamente e até adorei o sabor. Na avaliação final posso dizer que essa é uma excelente cerveja. Se puderem, experimentem. Acredito que irão gostar.

Final de semana com feriadão (ponte), viagem para Itacaré-BA, praia, sol, calor e ao chegar à pousada sou informado que existe um bar que vende cervejas caseiras do outro lado da rua... Fui conhecer o bar, e na visita notei que existiam algumas cervejas caseiras. Pensei, porque não experimenta-las?

Descrição da Cerveja

"Cerveja de alta fermentação inspirada nos pale ale inglesas, produzida a partir de maltes especiais como pilsen, pale ale, caramelo e cristal".

Fabricante: De La Ostia
Estilo: English Pale Ale
Ingredientes: Água, malte, lúpulo e levedura
Temperatura Ideal: 5 - 8 ºC
Álcool (%): 5,5%
IBU: 28 (Amargor)
Tamanho: 600 ml
Preço: R$ 18,00 (Albergue Pharol / Itacaré - BA)
Copo Ideal: Pint

"Cerveja de coloração dourada intensa, suave e com aroma que lembra o gosto de frutas".

Degustação da De La Ostia English Pale Ale 

De La Ostia - English Pale Ale
De La Ostia - English Pale Ale

Depois de uma viajem de carro cansativa, saí às 03h da madrugada e só cheguei às 11h,  nada melhor do que experimentar uma cerveja artesanal. A aparência essa cerveja foi razoável, pecou bastante na formação de espuma. O aroma também não encantou, aroma de cerveja caseira que não foi maturada por muito tempo. No sabor ela foi bem, apesar do gosto de uma cerveja com pouco tempo de maturação, estava encorpada, com leve dulçor e bastante equilibrada.  Como diz o velho ditado, "a primeira impressão é a que fica", infelizmente, por conta dessa cerveja, não quis provar as outras do mesmo fabricante. Só vale a pena se você estiver em Itacaré-BA.

Cervejas dos estilos belgas são boas, principalmente para quem está iniciando em uma jornada cervejeira... Possuem um sabor frutado forte, às vezes muito álcool, um pouco de dulçor e amargor apenas para o equilibrar o sabor. A cerveja de hoje é a Gram Bier Pecado uma Belgian Blond Ale.

Descrição da Cerveja

"Dourada, com corpo médio, aroma frutado e sabor levemente adocicado, a Pecado é uma cerveja de alta fermentação inspirada na escola belga. Cremosa e complexa, tem 6% de teor alcoólico. Pecado é como Gramado, atraente, irresistível e que cada um sabe como melhor aproveitar".

Fabricante: Gram Bier
Estilo: Belgian Blond Ale
Ingredientes: Água, malte, lúpulo e levedura
Temperatura Ideal: 6 ºC
Álcool (%): 6%
IBU: 22 (Amargor)
Tamanho: 600 ml
Preço: R$ 26,00 (Posto de gasolina Metrô)
Copo Ideal: Tulipa

"Harmoniza com lagosta, ostras, frango grelhado, batatas fritas, saladas e queijos salgados".

Degustação da Gram Bier Pecado 

Uma belga sempre cai bem, e eu estava ansioso para provar essa. Na apresentação ficou devendo um pouco no rótulo. Tinha um coloração amarela, um pouco turva, com boa formação de espuma, porém com baixa persistência. Possui aroma maltado, não consegui detectar o frutado. No sabor achei perfeita, equilíbrio entre dulçor e amargor, um pouco complexa, notava o sabor frutado mas não conseguia identificar quais frutas. Adorei essa cerveja. Recomendo e provarei novamente.

Não tenho dúvida da qualidade das cervejas da Baden Baden, essa cervejaria sempre faz boas cervejas, mesmo que elas sejam de estilos que não aprecio. A cerveja que vou experimentar hoje é a Baden Baden 5 Grãos.

Descrição da Cerveja

"A Baden Baden 5 Grãos surpreende pela maciez e preenchimento, resultado da presença inovadora do amaranto, da aveia e da quinoa, além do trigo, e é claro, da cevada. Aroma, sabor e leve amargor, que encontram equilíbrio em uma experiência única!"

Fabricante: Baden Baden (Schincariol)
Estilo: Specialty Beer
Ingredientes: Água, malte, lúpulo, levedura, amaranto, aveia, quinoa e trigo
Temperatura Ideal: 4 - 7 ºC
Álcool (%): 5,9%
IBU: 12 (Amargor)
Tamanho: 600 ml
Preço: R$ 14,00 (Perine)
Copo Ideal: Tulipa

"Harmoniza bem com pratos como lombo assado, embutidos e queijos tipo gruyére e brie".

Degustação da Opa Bier Bock 

A expectativa era grande, afinal eu gostei de todas as Baden Baden que havia tomado. A apresentação da cerveja era boa, muito límpida, espuma de média formação e de boa duração. Aroma predominantemente maltado, acho que uma adição maior de lúpulo seria melhor. O sabor acompanhou o aroma, muito maltado, inclusive, com um sabor diferente de outras cervejas que tomei, ela é bastante equilibrada no álcool. Senti falta de um pouco mais de amargor. Uma boa cerveja, que recomendo que vocês experimentem e decidam se vale repetir. Eu não vou repetir...

A cerveja de hoje é a uma IPA com adição de maracujá, da cervejaria carioca 2 Cabeças. Já havia provado outras IPAs com adição de maracujá, a da Baden Baden é um bom exemplo. Então, vamos à degustação...

Descrição da Cerveja

"Segundo rótulo da 2 Cabeças ao chegar no mercado em garrafa, a Maracujipa é uma American IPA potente e refrescante, com muito lúpulo Centennial. Até aí, nada demais, certo? Pois é, mas ela leva polpa de maracujá para compor com o lúpulo um único aroma cítrico. Desenvolvida nas panelas caseiras, ela mostra que uma cerveja com fruta não precisa ser doce".

Fabricante: 2 Cabeças
Estilo: Fruit American IPA
Ingredientes: Água, malte, lúpulo, levedura e poupa de maracujá
Temperatura Ideal: 5 - 7 ºC
Álcool (%): 6,8%
Tamanho: 500 ml
IBU: 75 (Amargor)
Preço: R$ 26,00 (Posto de Gasolina Metrô)

"Os lúpulos cítricos estão entre os mais cultuados na atualidade. Mas como a 2 Cabeças gosta de fugir do óbvio foi buscar esta característica numa fruta regional".

"A Maracujipa tem 6,8% de teor alcoólico e 75 IBUs. A coloração é alaranjada apresentando turbidez por não ser filtrada. No aroma, o maracujá sobressai com um toque caramelado de malte e resinoso do lúpulo. No sabor, o cítrico da fruta divide espaço com o adocicado dos maltes especiais, gerando um agradável equilíbrio".

Degustação da Opa Bier Bock 

Maracujipa
Maracujipa

Minha primeira experiência de uma IPA com adição de maracujá foi boa, então já olhei para essa cerveja com bons olhos. A apresentação dela chamou minha atenção: gostei do rótulo, da cor, da formação e duração de espuma. O aroma estava perfeito, cheiro de maracujá bem presente. No sabor, cheguei a ter dúvida se realmente levava maracujá ou se o gosto era proveniente de um lúpulo, pois eles conseguiram equilibrar bem o sabor da fruta com o amargor tradicional de uma IPA. Gostei bastante dessa cerveja. Recomendo.

Já fazia um bom tempo que não provava uma cerveja do estilo Bock, não porque eu não queria e sim por falta de opções aqui na minha cidade. A última que tinha apreciado foi a Bock da Bierland, uma excelente cerveja que ainda quero repetir e escrever aqui.

Descrição da Cerveja

"A Cerveja Bock Opa Bier Artesanal é relativamente forte, encorpada e moderadamente lupulada. De tonalidade que varia do âmbar ao marrom, seu aroma maltado equilibra perfeitamente com as notas de caramelo".

Fabricante: Opa Bier
Estilo: Bock
Ingredientes: Água, malte, lúpulo e levedura
Temperatura Ideal: 5 - 10 ºC
Álcool (%): 7,0%
Tamanho: 600 ml
IBU: 36 (Amargor)
Preço: R$ 22,00 (Shopping Passeo)

"O sabor forte e encorpado da cerveja Bock – além da sua cor escura e avermelhada – é ideal para harmonizar com uma bela feijoada por causa da combinação com a carne de porco. Carnes mais gordurosas também vão muito bem com uma Opa Bock, que possui teor alcoólico alto. Cerveja ideal para beber no inverno".

Degustação da Opa Bier Bock 

Opa Bier Bock
Opa Bier Bock

Quanto à apresentação já adianto que não gostei muito do rótulo dessa cerveja, não vou mentir a vocês, só comprei porque que Dona Encrenca aprecia muito esse estilo e eu sempre tento agrada-la. No copo a cerveja se mostrou como uma boa Bock, cor e formação de espuma estavam dentro do esperado. Fiquei assustado com o aroma, pois era bastante caramelado e provei imaginando que o sabor seria desequilibrado para o doce. Para minha surpresa o sabor estava fantástico! Achei um pouco mais caramelada do que outras Bocks e com o gosto mais adocicado mas sem atrapalhar a harmonia. Entrou fácil para a lista das melhores Bocks que tomei. Super recomendo.

Dama Maresia
Dama Bier Maresia

Sexta-feira sempre é um dia diferenciado, dia de comer aquela feijoada e provar uma cerveja especial. Seguindo uma indicação, tomei uma cerveja do estilo que foi a menina dos olhos do Festival Brasileiro de Cerveja em Blumenau - SC, uma Dama Maresia Session Sour.

Descrição da Cerveja

"Maresia, fenômeno de transporte de gotículas de água e aroma, oriundas do mar. Pode ser o estado de total inércia mental e física. Junte uma boa cerveja aos dois casos acima, temos a trinca perfeita: Praia, descanso e cerveja. Dama Maresia trata-se de uma Session Sour com adição de cranberry. O aroma oferece notas herbais, sutil frutado e leve dulçor. Sabores Herbais, hibisco, frutado(maça) e uma impagável acidez irão proporcionar a maior refrescância que um ser humano pode sentir".

Fabricante: Dama Bier
Estilo: Session Sour
Ingredientes: Água, malte, lúpulo, levedura, cranberry e hibiscos
Temperatura Ideal: 7 ºC
Álcool (%): 4,8%
Tamanho: 600 ml
IBU: 10 (Amargor)
Preço: R$ 28,00 (Mallua Café)

"A ilustração ficou por conta de Karina Carbonaro, sócia da Rubineto Brew Design. Ela traz em sua arte referências de músicas indie, o estilo boho, moda contemporânea e a paixão por cervejas únicas. Assim como o aroma da Maresia, sua intenção foi criar uma ilustração capaz de nos transportar a outro lugar, cheio de tranquilidade e boas energias".

Degustação da Dama Bier Maresia 

Dama Bier Maresia
Dama Bier Maresia

A apresentação da cerveja é muito boa, um rótulo bastante artístico, espuma de boa formação e duração e possui uma coloração avermelhada, bem diferente do que estamos acostumados em uma cerveja. A parte legal dessa cerveja foi apenas a apresentação. O aroma não é dos melhores, dá até mesmo para perceber que a cerveja é acida... Não gostei também do resultado da adição do cranberry e hibiscos. Sinceramente,  só não joguei a cerveja fora porque não achei onde... Espero provar outras cervejas do estilo, mas essa eu não gostei e não recomendo.

Domingo de sol forte e antes de uma boa praia, peguei minhas cadeiras de praia, o guarda sol e abasteci o cooler com boas cervejas. Após ter conseguido um lugar para estacionar, foi só aproveitar o "marzão" e  apreciar algumas cervejas.

Descrição da Cerveja

"Seguindo as mais nobres tradições dos mosteiros belgas e holandeses, a Diamant é uma autentica tripel de coloração dourada intensa, generosa cremosidade e alto teor alcoólico".

TRIPEL

Fabricante: Cervejaria Sankt Gallen
Estilo: Belgian Trippel
Ingredientes: Água, malte, lúpulo, açúcar mascavo e levedura
Temperatura Ideal: 7 ºC
Álcool (%): 9,5%
Tamanho: 600 ml
IBU: 42 (Amargor)
Preço: R$ 14,99
Copo ideal: Lager

"É ideal para acompanhar aves em preparações codimentadas ou com sabores cítricos. Queijos azuis e sobremesas com frutas flambadas também são boas opções de harmonização".

Degustação da Therezópolis Diamant

Therezopolis Tripel
Therezopolis Diamant Tripel

O aspecto visual das cervejas da Therezópolis começa pelo formato das garrafas, que são diferentes das outras garrafas de 600 mL. Já o rótulo é o ponto negativo, o que diferencia uma cerveja da outra é apenas a cor. No copo, a Diamant não faz feio, cor dourada com espuma de média formação e duração.  É possível perceber o dulçor em seu aroma,  mas nada de frutado, o que é uma falha... O sabor segue o aroma, nada de frutado, e ela tem um médio dulçor.  Mesmo sendo uma cerveja de 9,5% de álcool o sabor é bastante equilibrado. Em resumo, em minha opinião a Therezópolis faz boas cervejas, mas elas não são as melhores representantes do estilo. Recomendo essa cerveja apenas pelo custo benefício.

Por apreciar tanto as cervejas  dos estilos Stout e Porter, acabo provando várias diferentes. Então,  com toda essa experiência,  estou cada vez mais exigente com as cervejas do estilo.

Aquele velho ditado diz que não devemos comprar um livro pela capa, mas a cerveja de hoje chamou minha atenção pela parte externa da garrafa. Vamos à Gram Bier Black Tie.

Descrição da Cerveja

"Cerveja tipo Porter de cor marrom escura e opaca. Tem corpo denso, aroma marcante de chocolate, café e malte torrado, com lúpulos pronunciados. Teor alcoólico de 7,0%. Uma cerveja como Gramado, marcante, profunda, convidativa".

Fabricante: Cervejaria Gram Bier
Estilo: Robust Porter
Ingredientes: Água, malte, lúpulo e levedura
Temperatura Ideal: 5 - 7 °C
Álcool (%): 7%
Tamanho: 500 ml
IBU: 30 Amargor
Preço: R$ 27,90 (Posto de gasolina Metrô)
Copo Ideal: Snifter

"Harmoniza com carpaccio, chucrute, costela suína, presunto cru, bacon, truta, carnes com molhos fortes, sobremesas a base de banana, maçã, nata ou baunilha. Queijos de cabra, cheddar, grana padano e gorgonzola".

Degustação da Gram Bier Black Tie

Gram Bier Black Tie
Gram Bier Black Tie

A singularidade dessa cerveja começa pelo rótulo, que é fora dos padrões para cervejas especiais, não é que seja tão bonito, mas por fugir do comum chamou minha atenção. Mas a diferença ficou somente no rótulo... No copo se mostrou um cerveja bem encorpada, com espuma marrom de média formação e duração. O aroma nos remete ao malte tostado e café. No sabor: café, chocolate amargo, malte torrado e um leve dulçor. Eu diria que é bem equilibrada para uma cerveja com 7% de álcool. Em resumo, essa é apenas uma boa cerveja, não trouxe nada de especial. Pensando no custo benefício não recomendaria.